Acerca de

WhatsApp Image 2021-05-04 at 11.31.35.jp

NOSSA HISTÓRIA

O início do ABUNA está conectado ao ministério pastoral do casal José e Val Prado em São Paulo, Brasil.

Em 2013, com 28 anos de uma abençoada e diversa caminhada ministerial, abrangendo desde a música, ensino teológico e missiológico, pastoreio, direção executiva de agências missionárias transculturais e ministérios urbanos, respondendo a um chamado de emergência, eles abrigaram uma família síria em fuga da guerra, com 18 pessoas, quatro gerações, desde os bisavós de 80 anos e bisnetos de 7 e 9 anos.

Esta foi uma experiência profundamente humana e espiritual para todos os envolvidos, pois, com muita graça e paciência, foram capazes de reconhecer a sua humanidade comum apesar das enormes barreiras linguísticas e culturais. Poucas semanas depois, a família Prado abriu mão da sua posição pastoral na igreja para servir voluntariamente às novas famílias de refugiados sírios que chegavam em São Paulo.

Nos meses seguintes, várias famílias sírias foram apoiadas. Um pequeno sistema de boas-vindas e cuidados foi criado, com muitos voluntários se apresentando para servir. Equipes foram constituídas com diferentes responsabilidades, desde receber as famílias no aeroporto com intérpretes de árabe, até fornecer casas totalmente mobiliadas, sem custo para os refugiados.

Outros se voluntariaram para acompanhá-los no processo de retirada de documentos brasileiros, outros se dispuseram a dar aulas de português, buscar oportunidades de trabalho e ainda outros se ofereceram para cuidar da saúde física e dental das famílias. Vários amigos aderiram à iniciativa oferecendo apoio financeiro.

Em 2017 esse movimento foi registrado no Brasil como uma organização sem fins lucrativos denominado ABUNA, com o objetivo de catalisar apoio aos refugiados em todo o mundo.

Desde o início as ações do ABUNA se caracterizaram pelo cuidado especial, pessoal, para com todas as pessoas atendidas, independente de sua condição social, país de origem,  religião... Mesmo com limitados recursos, o ABUNA se dispôs a fazer o que outras organizações com muito mais estrutura não ofereciam, a saber, o acolhimento completo, um dos serviços mais complexos e dispendiosos dessa área. Isso exigiu muitos sacrifícios e envolveu o aprendizado de muitas lições.

Por conta disso, entre outras ações, o ABUNA se alegra de ter acolhido em suas casas de passagem, cuidado e integrado à sociedade brasileira 84 pessoas que chegaram aqui solicitando refúgio. Hoje, colecionamos lindas histórias de superação e integração.

Essas pessoas vieram de 11 países diferentes: Síria, Jordânia, Iraque, Palestina, Egito, Iêmen, Líbia, Paquistão, Congo, Haiti e Venezuela, e de origens religiosas diversas: muçulmanos, drusos, cristãos ortodoxos, protestantes e evangélicos.

Em 2019 o ABUNA começou a operar na Tailândia.

ENVOLVA-SE

Você sabia que sua profissão, habilidades e talentos podem ser investidos de maneira estratégica para mudar a vida de uma pessoa pra sempre? Junte-se a nós! Clique no ícone abaixo e entre em contato conosco.